Lúpus e Cabelos

Quais as características da queda de cabelo associada ao lúpus?

A queda de cabelo associada ao lúpus pode se apresentar de várias formas, incluindo-se aí fios quebradiços e finos. Certa vez na fila do hospital, perguntei a uma moça se ela tinha lúpus, e ela admirada me perguntou como eu descobri algo que ela levou anos pra diagnosticar, eu respondi… pelos seus cabelos.

Incrível como nossos cabelos ficam ralinhos, fininhos mesmo, com alguns “buracos” na cabeça. E essa sensação do cabelo cair, é uma sensação terrível de impotência.

Cabelo de uma seguidora da página.

Cabelo de uma seguidora da página.

No geral, as medicações utilizadas no combate à doença podem desencadear a acentuada queda dos fios, provocando a calvície difusa, isto é, aquela em que a perda dos cabelos ocorre em todo o couro cabeludo – o que é bastante comum no início do diagnóstico. No entanto, quando o LES é controlado, os fios tendem a voltar a crescer. O mesmo acontece quando há a suspensão ou a substituição do medicamento relacionado à calvície. O lúpus cutâneo (da pele) pode provocar queda de cabelo.

Por outro lado, a queda pode ser causada por medicamentos, principalmente se você estiver tomando um corticosteroide (como a prednisona). Converse com o seu médico para identificar a causa da queda de cabelo (também conhecida como alopecia). A queda de cabelo ocasionada por medicamentos costuma ser reversível. A queda resultante de cicatrização ou lesões discoides tende a ser permanente. Nessas situações, as lesões características do lúpus (erupções no couro cabeludo no formato de bolhas, manchas, etc.) podem provocar um tipo de alopecia denominado “alopecia cicatricial”, em que os folículos pilosos são danificados de maneira irreversível, perdendo a sua capacidade de se regenerar.

A intervenção do médico é fundamental no controle do lúpus, sendo bastante aconselhável que, paralelamente ao tratamento com o reumatologista, o paciente busque também, o quanto antes, a orientação de um dermatologista/tricologista, especialista responsável pelo cuidado com a saúde dos cabelos e que indicará o que deve ser feito para prevenir e/ou amenizar o problema da calvície, considerando as especificidades de cada caso.

O mais comum é o corticosteroide, que vai ajudar a regular sua pressão arterial, o sistema imune, e diminuir a inflamação. Os corticoides prescritos costumam ser a prednisona, prednisolona ou a metilprednisolona. Corticosteroides frequentemente provocam queda de cabelo. É possível que você tenha que aguardar até o lúpus estar controlado antes que possa focar no tratamento da queda de cabelo.
Dependendo da gravidade do lúpus, é possível que o médico consiga remover totalmente a medicação que está provocando a alopecia. Em alguns casos, é necessário aumentar a dose de uma medicação quando se reduz a dose de outra. Por exemplo, a dose de corticosteroide é reduzida e um antimalárico (reuquinol) é adicionado, para tentar controlar os sintomas com menos efeitos colaterais. Imunossupressores e anti-inflamatórios não esteroides também podem ser usados para tratar o lúpus. Exemplos de imunossupressores são azatioprina, micofenolato e metotrexato.

Tome os medicamentos na hora certa conforme prescritos. Existem vários tipos de medicamento para o tratamento do lúpus, e a forma de tomar cada um varia bastante. É possível que você precise tomar alguns pela manhã (normalmente os corticoides) , outros à noite, com ou sem comida. Pergunte ao médico ou farmacêutico o que deve fazer caso esqueça de tomar uma dose, porque isso também vai variar conforme o tipo de medicamento prescrito

Converse com seu médico também sobre o uso de vitaminas específicas para o cabelo, como Imecap, Pantogar, e outras vitaminas que não são específicas mas ajudam no crescimento do cabelo, como as vitaminas do complexo b. Existem também shampoos e cremes que auxiliam neste fortalecimento capilar.

Eu usei imecap por uns três meses e uso até hoje complexo b.

As orientações passadas aqui não substituem uma visita ao médico.

Fontes de pesquisa:

http://www.hopkinslupus.org/
http://www.lupus.org
http://www.mollysfund.org/
https://tricosalus.com.br

Entre na nossa Comunidade no Facebook

Segue lá no Instagram

eucurto2

O que você achou? Deixe uma resposta!